Tratamentos odontológicos resolvem a assimetria facial

Postado em

Incômodo estético que pode desenvolver problemas de saúde, a assimetria facial é um desequilíbrio na musculatura e na estrutura óssea do rosto. É normal os lados direito e esquerdo do rosto serem diferentes, mas quando esta desigualdade é excessiva e atrapalha sua vida, a história muda.

Nesse sentido, o problema deve ser levado em consideração sempre que o paciente sentir algum incômodo nessa área tão importante do corpo humano, da qual dependem a fala, a deglutição, a visão, a respiração e a mastigação. A primeira atitude a tomar quando perceber algum incômodo na face é procurar um profissional para o diagnóstico correto e, assim, buscar tratamentos eficazes para o seu caso.

Atualmente, estão à disposição diversas técnicas que deixam o rosto mais simétrico. Uma delas é a aplicação de botox, que corrige de maneira menos invasiva. Essa substância age na contração nervosa e deixa a musculatura estável, o que deixa o rosto com um contorno mais delicado e promove um efeito lifting. O botox pode ser utilizado para minimizar o sorriso gengival e corrigir outras assimetrias.

Ainda, a utilização de aparelhos ortodônticos é uma das técnicas mais utilizadas e, quando indicada, corrige assimetrias da área que compreende dentição, tecidos e ossos da maxila e mandíbula. Isso alinha e ajusta o posicionamento dos dentes e da estrutura óssea da boca.

Outra opção é a harmonização facial, ou seja, um conjunto de procedimentos estéticos que vão corrigindo e amenizando as imperfeições. Entre eles, está a aplicação de ácido hialurônico para preenchimento, a bichectomia e a redução de papada com ácido deoxicólico. Ainda, é possível realizar a harmonização do sorriso, com facetas, coroas e lentes de contato.

Visite o Instituto Novva e faça uma avaliação.

  • Compartilhar

0 Comentários

Deixe um comentário

Seu e-mail não ficará visível.