Emergências odontológica: o que fazer?

Postado em

Visitas regulares ao dentista são essenciais para uma saúde bucal em dia, mas acidentes podem acontecer a qualquer momento. E como reagir quando surgir uma dessas situações de risco para a dentição? Claro, o ideal é buscar ajuda especializada de um profissional o quanto antes, mas os primeiros socorros podem ser essenciais para a recuperação do seu sorriso. Confira abaixo algumas situações e como agir de imediato.

Queda de dente inteiro: coloque o dente em um copo com leite ou soro fisiológico, pois esses líquidos são capazes de manter vivas as células necessárias para um possível reimplante. Cuidado para não tocar a raiz: pegue o dente pela coroa. Para conter a hemorragia, segure um pano limpo ou gaze em cima do local de sangramento.

Dente quebrado: Pedaços maiores de dente quebrado devem ser mantidos em soro fisiológico ou leite e levados ao dentista para serem colados. Se não forem localizados, não estiverem em bom estado ou o estrago não for tão grande, restaurações resolvem o problema.

Dor de dente: escove os dentes e use o fio dental, enxaguando a boca com água morna com um pouco de sal. Se não conseguir escovar, limpe a região com gaze umedecida. O rosto está inchado? Então aplique uma compressa fria ou coloque um cubo de gelo. Analgésicos e anti-inflamatórios podem ser usados para controlar a dor até a intervenção do dentista.

Sangramento da gengiva: sangramentos exagerados são raros e geralmente associados a doenças graves. Nestes casos, é imprescindível ir a um pronto-socorro hospitalar imediatamente. Já sangramentos mais frequentes, por causa da escovação e do uso de fio dental, não são problemas graves e têm a ver com doenças periodontais, o que não elimina a necessidade de procurar um profissional o quanto antes para que seja indicado o tratamento adequado.

Sangramento na língua ou nos lábios: umedeça uma gaze com água filtrada e comprima a região para controlar o sangramento. Mantenha a gaze pressionada sobre a área até chegar a um serviço de emergência.

 

 

 

 

 

 
Foto: Shutterstock.com

  • Compartilhar

0 Comentários

Deixe um comentário

Seu e-mail não ficará visível.