A fada do dente

Postado em

Um momento lúdico entre pais e filhos pode trazer magia para o ato natural da troca de dentição das crianças. A história da fada do dente existe para tranquilizar os pequenos, recompensando-os pelo bom comportamento e pela tranquilidade em perceber que um dentinho novo irá nascer no lugar daquela janelinha.

A história da fada do dente é bem antiga, mas não tem origem certa. O importante é que segue a mesma, há tantos anos: quando uma criança perde um dente de leite, deve deixá-lo embaixo do travesseiro para que, durante a noite, uma fada pequenina venha recolher o presente. Em troca, ela deixa uma moeda ou pequeno presente para a criança que foi corajosa ao tirar o dentinho.

Para manter a fantasia, os pais podem entrar na brincadeira de diversas maneiras criativas, como deixar algum bilhetinho “da fada” junto ao presente, agradecendo por ter cuidado tão bem daquele dentinho e pedindo pra continuar cuidando dos outros. O papel pode até ser recortado em forma de dente, para ficar ainda mais bonito! O toque de magia pode ficar por conta de canetas coloridas e glitter.

Importante saber:

– O primeiro dente cai entre os cinco e os sete anos, e a troca da dentição acontece até aproximadamente os 11 anos

– Não se deve arrancar em casa um dente que se mexe, porque sua raiz serve de guia para a erupção do permanente. Se o dente de leite incomodar ou doer, leve o pequeno ao dentista, pois é ele quem decide se já é tempo de tirá-lo

– O dente cai sem a raiz: o normal é que somente caia a coroa

– Quando cai um dente de leite, a criança deve escovar os dentes de forma normal, mas sem tocar no espaço vazio, já que pasta de dente na janelinha pode causar infecção

  • Compartilhar

0 Comentários

Deixe um comentário

Seu e-mail não ficará visível.